Uncategorized

Mindfulness para praticar com as crianças

Quem me acompanha sabe que eu amo meditar e tenho lido e pesquisado bastante sobre o assunto. Algo que tem se falado muito, é sobre  Mindfulness para praticar com as crianças. Algumas escolas estão incluindo essa atividade na grade com o objetivo de trabalhar as emoções, o foco e a atenção dos pequenos. A prática é aplicada pelos os professores em momentos diversos. Alguns professores fazem uma roda e conduzem um exercício de respiração no início das aulas, outros na volta do almoço e há turmas que gostam de praticar posturas do yoga ou caminhar por 5 minutos em silêncio.

Mas Mindfulness é uma prática que podemos praticar também em casa com nossos filhos. E pensando em como motivar outras famílias, conversei com a Vivian Wolff, Coach de Vida e Carreira e instrutora de Mindfulness. A Vivian é Facilitadora do Programa de Desenvolvimento Pessoal para Mulheres You in Action – curso que fiz recentemente,  e participa de grupos de Mindfulness periódicos em SP. Ela será uma colaboradora do Macetes de Mãe sobre meditação. E para começar essa linda parceria, Vivian nos enviou dicas de exercícios de Mindfulness para praticar com as crianças. Confira abaixo!

3 Exercícios de Mindfulness para praticar com as crianças

Existem muitas maneiras de ajudar seu filho a desenvolver foco e atenção. A prática de Mindfulness, por exemplo, é um recurso simples e fácil para aumentar a presença no aqui agora, que pode ser inserido na rotina das crianças. Traz sobretuo benefícios duradouros de desenvolvimento quando praticado regularmente.

A promoção da atividade deve ser feita de forma lúdica e leve, por meio de pequenas ferramentas, como objetos, alimentos, movimentos simples e música.

Veja aqui 3 exercícios para introduzir Mindfulness aos pequenos. No entanto, antes de começar, certifique-se de desligar ou silenciar qualquer distração, como televisão, videogame e telefones celulares.

  • Amigos da Respiração

    Essa atividade serve para desenvolver a atenção plena através da consciência do corpo e dos movimentos da respiração. Peça para seu filho deitar e colocar um bichinho de pelúcia em cima de seu estômago. Diga para ele respirar profundamente enchendo e esvaziando a barriga, prestando atenção no sobe e desce da pelúcia durante os movimentos de inspiração e expiração. Após a percepção do movimento, diga a ele que fique assim por 1-2 minutos, respirando normalmente, apenas notando o sobe e desce do bichinho.

  • Como um sapinho na lagoa

    Essa atividade serve para desenvolver calma e relaxamento corporal. Sente com seu filho com as pernas cruzadas em posição de meditação e vá guiando o exercício por alguns minutos, usando a sua imaginação. Diga: “vamos brincar de ser um sapo sentado muito, muito quietinho em uma folha bem grande no lago. Enquanto você se senta na folha, Sr. Sapo, respire. Mas cuidado! Se você se mexer demais, sua folha tombará e você acabará na água. Então, apenas observe enquanto sua barriga de sapo incha e desincha. Talvez você esteja com vontade de pular bem alto. Mas veja, você também pode ficar sem se mexer como uma estátua, prestando atenção no que está acontecendo ao seu redor e dentro de você. Você está tranquilo e respirando, armazenando sua energia. Observe como sua barriga aumenta e diminui, Sr. Sapo! Dentro e fora.” – Tente fazer 5 ou 6 ciclos completos de respiração.
    (Exercício adaptado do livro “Quietinho feito um sapo” de Eline Snel, editora Rocco)

  • Ondas no mar

    Essa atividade serve para aumentar a consciência e o foco na respiração. Peça para seu filho desenhar várias ondas bem altas em um papel, daquelas contínuas que treinam o grafismo infantil. Depois peça para ele traçar o desenho com o dedinho, inspirando quando estiver no pico da onda e expirando quando estiver descendo a onda. Faça em todas as ondas do papel e se quiser, repita!

Dicas extras para praticar Mindfulness com as crianças

Quanto mais curtas as sessões de Mindfulness (4-5 minutos ou menos), melhor a resposta das crianças, principalmente no começo. Comece devagar e avalie, algumas crianças são capazes de fazer sessões mais longas, dependendo da idade e do temperamento.

Se as crianças estiverem inquietas no início, ou se sentirem desconfortáveis em ficar sentadas em silêncio, incentive-as gentilmente a continuar tentando e elogiando seus esforços. Continue introduzindo e praticando de forma bem curta até que a criança se torne mais acostumada. Para incentivar sua cooperação, é importante que a experiência seja agradável.

Com a prática regular, você descobrirá que as crianças não apenas aprimoram as técnicas, mas também as usam por conta própria. Boa prática!

(INSERIR ASSINATURA)

Tunadosnet
MimoKids
Portal Dicas