Uncategorized

O que não dizer a uma mãe grávida do seu terceiro filho

Às vezes nos espanta ao ver uma grávida com seus dois filhos ao lado. Ou seja, aquela mulher que será mãe de 3! Num mundo tão competitivo como o que vivemos, sabemos como é difícil a criação dos filhos. Pois bem, veja este relato, do ponto de vista da mãe, e repense nos comentários que irá fazer.

Mais um texto em livre tradução do site Babble. Enfim, espero que gostem.

O que não dizer a uma mãe grávida do seu terceiro filho

Por Julie Scagell

Os seres humanos, por natureza, são criaturas curiosas (e intrometidas). Como mãe de três crianças com idades entre os 4 e os 12 anos, ouvi de tudo, especialmente quando estava grávida da minha mais nova. Eles viam nossa família com duas crianças loucas correndo soltas e olhando para minha barriga inchada pronta para estourar. Uma mulher grávida parece ser um imã para comentários muito pessoais e às vezes completamente ridículos. E quanto mais crianças você tem, pior fica. Aqui estão os meus cinco preferidos…

1. Vocês vão ficar em menor número

Não brinca! Não diga! Nós nunca pensamos nisso. Você é muito bom em matemática. Tenho certeza de que em algum momento eles darão um golpe, mas eventualmente aprenderão que a comida deles não vai cozinhar sozinha. Tenho certeza de que permaneceremos responsáveis ​​em, pelo menos, 95% do tempo. Os outros 5% estarão em disputa para aquele que gritar mais alto.

2. Você deve estar exausta.

O que te deu essa pista, Inspector Bugiganga? São as olheiras, o cabelo sujo ou a falta de maquiagem? Talvez seja porque adormeci enquanto conversávamos. Estar presente para as crianças a partir do momento em que elas acordam até a última chegar ao sono é uma experiência monumentalmente desgastante e cansativa. Estou exausta? Sim. Vale a pena? Definitivamente.

3. Você esqueceu todas as noites sem dormir?

Claro que não. Entre pesadelos, xixi na cama e travessuras diversas de madrugada, não dormimos durante a noite em seis anos. Você acha que a falta de sono vai me perturbar? Eu sou mãe. Eu consigo pegar meu filho antes dele cair do balcão, ao mesmo tempo que ajudo minha filha com a lição de casa e limpo o vômito do cachorro. E sem derramar meu vinho! Eu tenho essa.

4. Vocês já ouviram falar de controle de natalidade?

A menos que você queira que eu comece a lhe perguntar sobre sua vida sexual, por favor, fique quieta. O número de crianças que escolhemos ter e o modo como escolhemos tê-las não é da sua conta. Já ouvimos falar de controle de natalidade sim e, assim que decidimos aumentar nossa família, você será a primeira a receber uma ligação para discutir todas as possibilidades disponíveis.

5. Você engravidou de propósito?

Eu não sei, você quis usar aquelas calças com essa camisa? A linha inferior é que não importa realmente neste momento, não é? Estou grávida, então talvez um “parabéns!” seja o único comentário que você realmente precisa fazer.

O que é que, numa gravidez, inspira tais comentários inconscientes? Há algumas coisas que absolutamente não devem ser ditas quando se fala com uma mulher grávida (ou qualquer mulher). Quanto mais crianças ela tem, maiores são as chances, de fato, dela saber o que está fazendo.

Tunadosnet
MimoKids
Portal Dicas