Uncategorized

Óleo de gengibre: benefícios e como fazer

O óleo de gengibre é um excelente aliado quando o assunto é saúde, já que seu uso garante um eficaz efeito anti-inflamatório e pode ser usado para vários tipos de problemas no seu dia a dia.

Retirado a partir da raiz do gengibre, ele pode ser feito em casa. Veja como e quais seus usos.

Como fazer óleo de gengibre

Ingredientes

Gengibre fresco: 1 pedaço de aproximadamente 3 cm;
Azeite de oliva extra virgem: 1 xícara (chá).

Modo de preparo

  1. Lave a raiz e reserve em local ventilado para secar por no mínimo 2 horas;
  2. Coloque o azeite em uma panela pequena e leve ao fogo baixo por 1 hora;
  3. Rale o gengibre e misture ao azeite, e leve novamente ao fogo por mais 50 minutos;
  4. Coe em tecido ou em um coador de café de pano – ainda novo – e guarde em um frasco com tampa por até 6 meses.

Benefícios do óleo de gengibre

1. Para o estômago

Excelente para casos de indigestão, cólicas estomacais, gases e outras complicações. Nesses casos, ele pode ser ingerido: três gotinhas diluídas em um copo de água.

2. Tratar intoxicação alimentar

Além de ter um efeito detox no organismo, dada a presença da carminativa, o óleo de gengibre ajuda a desinflamar e eliminar os agentes causadores.

Também fortalece a imunidade, fazendo com que seu organismo responda mais rapidamente ao tratamento.

3. Tratar doenças do trato respiratório

É um expectorante natural, podendo ser passado diluído sobre o peito e as costas ou ingerido, com um copo d’água.

4. Reduz a dor

Excelente para o tratamento de dores na coluna e em outras regiões. Com ação anti-inflamatória, antiespasmódica e calmante, ele melhora a qualidade de vida de quem convive com a dor, tratando também a causa da mesma.

Para isso, você pode fazer uma massagem, com ele diluído ou até mesmo uma compressa de gengibre, para casos mais graves.

5. Ajuda durante o período menstrual

Assim como as dores provenientes de inflamações, as cólicas menstruais também podem ser tratadas e terão um alívio rápido.

Além da dor, ele ajuda a regular o fluxo menstrual, melhorando a circulação sanguínea na região e consequentemente, a recuperação durante o processo de renovação do útero.

Como usar o óleo de gengibre

Para acordar a mente e aumentar a energia do corpo, dissolva 8 gotas em um copo de água e tome em jejum.

Massageie regiões doloridas afetadas pela artrite ou para dores nas costas e dores musculares, com um pouco dele diluído em outros óleos essenciais ou cremes.

Para usar como compressa quente, dissolva-o em óleo de coco ou azeite e molhe bem uma gaze. Coloque a gaze sobre a região dolorida e, por cima, uma bolsa térmica. É excelente para dores nas costas.

Em caso de desconforto com gases ou até mesmo diarreia, aplique algumas gotas diluídas sobre o abdômen e massageie delicadamente.

Para dores de garganta ou alívio da sinusite, experimente dissolver 4 gotas do óleo em uma xícara de chá fervente e fazer inalação.

Para dar força aos cabelos, separe em um potinho a quantidade adequada de creme para hidratação e acrescente algumas gotinhas. Para o couro cabeludo, misture com óleo de coco e massageie a região, para tratar a caspa e fortalecer os fios.

As dicas deste artigo não substituem a consulta ao médico. Lembre-se que cada organismo é único e pode reagir de forma diferente ao mencionado. Para obter os resultados mencionados também é preciso aliar a uma vida e alimentação saudável e equilibrada.

Cuidados a ter

Antes de usar o óleo, teste em uma pequena área, como o pulso, para ver se você vai ter alguma reação. Se coçar, aquecer ou ficar avermelhado, suspenda o uso e lave bem o local.

Use-o sempre diluído, pois ele é muito forte. Gestantes não devem fazer uso. Guarde em local fresco e escuro, como um armário, longe de produtos químicos e do alcance das crianças.

Tunadosnet
MimoKids
Portal Dicas